Categorias

11 janeiro 2019

Falso positivo - KM Mendes | Resenha

Nina Proença e Matteo De Marco possuíam um relacionamento sem compromisso há mais de um ano, cansada de esperar uma atitude, ela resolve confrontá-lo, mas, ele rejeita qualquer compromisso sério. Sem alternativa, a garota desiste do seu amado, e passa a viver ansiando por uma atitude de Matteo, porém, quando ele a convida para um café, somente para devolver suas coisas que estavam em seu apartamento, Nina toma uma atitude drástica.
A jovem acredita estar grávida, mas ainda não havia feito um teste de gravidez. Ela joga a bomba, revelando um positivo. Matteo, atordoado, resolve pedi-la em casamento, pois sempre quis ter filhos e sua família era extremamente tradicional.
No entanto, ao fazer o teste de gravidez, Nina descobre um negativo. Sem alternativas, ou coragem de dizer a verdade, ela finge estar grávida, até conseguir realmente engravidar. Mas tudo muda de cenário com uma revelação sobre o passado de Matteo. E eles acabam rompendo.
Perdida, ao revelar a verdade, Nina percebe que a mentira doeu mais nela do que em Matteo.
O tempo passo e algo intrigante é revelado: tudo não passou de um falso negativo. Desolada, a jovem passa a trilhar uma jornada em busca de redenção e descobrirá que precisa amar a si mesma antes de amar Matteo De Marco.
Romance | 259 páginas | Editora Publicação Independente  

Nina e Matteo se conheceram na faculdade e há mais de um ano estão juntos compartilhando a mesma cama. Só que apesar do sexo, Nina quer que Matteo firme um compromisso com ela, afinal, ela praticamente é namorada dele, só ele não enxerga isso. Quando ela resolve confrontá-lo, ele acaba a dispensando. Compromisso não é algo que Matteo quer no momento, ainda mais com Nina, uma mulher que o deixa muito confuso.

Eles marcam um encontro um tempo depois e Nina acredita que Matteo percebeu seu erro e pedirá para que voltem. Só que na verdade ele somente quer que ela pegue as coisas dela que deixou na casa dele... aí é a gota d’água. Em um ato de desespero, Nina diz que está grávida. Isso mesmo: GRÁVIDA! Já tem um tempinho que ela sente enjoos, sua menstruação está atrasada e ela ganhou peso.

Matteo fica chocado porque sempre quis ser pai, mas esse não era o momento ideal. Sabendo que sua família é tradicional, não lhe resta outra alternativa a não ser casar-se com Nina. O problema é que quando a mulher resolve fazer o teste, dá negativo. Pois é! Agora lascou tudo e ela está atolada em tantas mentiras.
Sem conseguir ficar mais tempo levando a farsa adiante, Nina revela tudo a Matteo. Obviamente além de furioso ele fica magoado. Ele já estava se preparando para ser pai, e a mentira minou toda a esperança do cara, além de acabar com sua confiança em relação a Nina. Só que Nina acaba fazendo um ultrassom porque ainda sente dores abdominais e descobre que o falso negativo na verdade é um positivo.

Agora ela precisa aceitar que realmente está grávida, algo que afinal ela não queria, solteira, sozinha e com muitas responsabilidades para o futuro.

Falso Positivo é um livro muito leve e rápido, eu terminei a obra em horas e se você quer algo despretensioso e que consegue cativar facilmente, é o livro certo para você. Eu amo uma boa história de romance com muitos desencontros, e o livro é recheado deles. Primeiro a mentira de Nina, que por favor, é muito doida. Eu jamais teria coragem de fingir uma gravidez, mesmo que suspeitasse. É claro que o desespero dela pra conseguir ficar com Matteo beira um pouco a obsessão. Juro! Ela é tão insegura com ele que chega a dar nos nervos. Tudo é uma coisinha pra brigar com o cara, a mulher praticamente é totalmente dependente dele.
É claro que essa característica iria me irritar. Eu imaginei que essa obsessão de Nina por Matteo ia ser uma pedra no sapato, afinal, ninguém quer ficar com uma mulher louca que vigia tudo o que você faz. Mas ao longo da narrativa ela amadurece tanto que isso não é mais um problema. Foi legal ver o desenvolvimento dela e a forma como ela passa a lidar com a situação.

No início pensamos que Matteo é o maior cafajeste por estar enrolando Nina durante o ano que passaram, mas a obra tem algumas cenas narradas por ele, e ele vai contando o que pensa da Nina, como se conheceram e o porquê dele não ter ficado com ela. Aí você entende seus motivos e passa a entender o cara. Se você conhecesse uma mulher completamente insegura e desesperada por um compromisso, ficaria também receoso de ficar com ela, ainda mais com os surtos que Nina dava. O que eu percebi é que ambos precisavam amadurecer e muito para conseguir seguir em frente com a relação.

Apesar de sabermos que o casal ficará junto no final, não é de longe tão rápido como imaginamos. Eles passam por muita coisa. Nina praticamente leva a gravidez sozinha, aprende a não depender de Matteo, se desapega dele e principalmente, passa a se amar em primeiro lugar. E é desse amadurecimento que eu comentei com vocês. Eles agora seriam pais, mas pais solteiros, que precisavam compartilhar algo em comum sem necessariamente estarem juntos, e depois de toda confusão no início do livro, ver os dois agindo como adultos é notável.
O livro tem vários furos e erros de execução. Se formos muito críticos, eu estaria destrinchando aqui várias coisas que ficaram mal executadas ou as situações meio infundadas que a autora colocou na obra, mas como estamos falando de um livro mais despretensioso, que nos diverte e a leitura passa voando, acho que esses erros são passíveis de desconsideração.

Apesar do desenvolvimento ter falhado em alguns arcos da história, eu gostei muito da obra e me diverti muito com esses dois, mas principalmente sofri com esse casal que claramente se amava mas que nunca conseguia colocar os pontos nos “i”s. Se você quiser uma leitura tranquila e romântica, Falso positivo é uma escolha perfeita.
POSTADO POR MIRIÃ MIKAELY

7 comentários:

  1. AAAH você leu!!! Não acredito, que legal!
    Eu me apaixonei pela história, e nossa sua resenha tá ótima como sempre 💖
    Quando eu vi que a Nina era muito paranoica, fiquei com um pé atrás, mas claro, por causa da gravidez ela estava com os nervos a flor da pele. Então achei tranquilo depois, e logo eles amadureceram mais.

    Jardim de Palavras

    ResponderExcluir
  2. Oie!
    Eu adorei o nome desse livro, achei criativo! Adoraria ler esse livro para intercalar com uma leitura mais pesada. Quando você disse sobre que a protagonista depende do homem e fica obsessiva eu logo fiquei com um pé atrás porque eu detesto isso, mas nossa que bom que ela amadurece no final! Adorei saber disso.
    Ótima resenha!
    Beijos
    http://our-constellations.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. O livro tem nome de historia de socialspirit e wattpad, coisas tipo "A patricinha e o dono do morro" mas, pela sua narrativa na resenha, parece ser um bom livro! www.umminutoparaocosmo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Mi! Tudo bem?
    Acho que perto das minhas últimas leituras, este não é um livro que eu leria no momento. Mas gostei da sua resenha, mesmo. Porque quando comecei, fiquei com um pé atrás por a protagonista ser tão desesperada e/ou dependente, e mesmo achando que o fato dela inventar uma gravidez pode me incomodar, é bom ver que você como leitora, sentiu que a personagem amadurece. Isso já é algo muito bom.

    Beijos,
    Blog Magia é Sonhar
    Canal Magia é Sonhar

    ResponderExcluir
  5. Oi, Mi

    Ahhh não acho que vale desconsiderar. Acho que tudo tem que ter um embasamento, não faço meia-vista pra essas coisas não. Eu já fiquei virando o olho ali no positivo que era negativo que virou positivo, não rola.
    E acho que eu ia me irritar com a protagonista: mulheres, aprendam, não tentem fazer de tudo para ficar com um cara. Obrigada. Hahaha

    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Mi, sua linda, tudo bem?
    Também não iria querer alguém assim do meu lado. E essa mentira que ela contou é inaceitável. Ainda bem que ela amadurece na trama. Eu não faço leituras digitais, mesmo assim, não sei se gostaria do livro por todos os problemas que ele apresenta.
    beijinhos.
    cila.
    https://cantinhoparaleitura.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Oi, Mi! Tudo bom?
    Vish se tem muito furo eu fico nervosa porque detesto pegar história que parece que as coisas não se encaixam ASUHASUHUHASUHASUHAS independente de ser romance ou thriller, tem que ter tudo bem amarradinho ou eu pego birra
    Não conhecia a obra, mas não senti nada muito atrativo na premissa, então vou passar a dica dessa vez!

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar seu comentário, assim poderei saber se gostou ou não do post.
Aproveite e deixe seu link, para que eu possa retribuir sua visita! ❤

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo