A verdade sobre amores e duques - Laura Lee Guhrke | Resenha

Henry Cavanaugh, duque de Torquil, anseia por uma vida ordenada e previsível. A única que o ajuda com isso era a mãe... até ela se apaixonar por um artista e decidir seguir o conselho amoroso de Lady Truelove, largando tudo para seguir os desejos do coração. Agora Henry vai exigir que a mulher mexeriqueira que deu aquele conselho imprudente o ajude a impedir que o nome da sua família acabe na lama.Irene Deverill é o que a sociedade londrina considera uma ovelha negra: dirige o jornal da família, é uma solteirona e tem orgulho disso! Mas ninguém sabe que ela possui um grande problema nas mãos: o duque de Torquil demanda que ela o ajude a resolver os problemas da sua família. Esse relacionamento forçado fará despertar nela sentimentos que nunca pensou possuir.
Romance de época | 320 páginas | Editora Harlequin Books Brasil 

Ao descobrir através de uma coluna em um jornal de fofoca que sua mãe, a duquesa de Torquil, quer fugir para se casar com um famoso pintor, Henry Cavanaugh, o duque de Torquil, fará de tudo para tirar essa maldita ideia da cabeça dela, e claro, encontrar a tal Lady Truelove, a colunista que inventou de incentivar a mãe. 

Ele acaba conhecendo então Irene Deverill, a editora do jornal. Fica claro desde o primeiro instante que ela é a tal colunista  anônima, mas a mulher não admite. Desesperado, ele acaba usando de sua arrogância para tentar intimidá-la, o que só surte o efeito oposto já que Irene não está nem aí para a nobreza e muito menos para o tal duque, além disso a mulher não abaixa a cabeça e responde a altura. 

O duque acaba ameaçando comprar o jornal se Irene não persuadir sua mãe a tirar a ideia da cabeça e para que isso aconteça, ele "convida" ela e a irmã Clara para passar alguns dias em sua residência ducal, assim poderão ser introduzidas na sociedade e Irene poderá estar mais próxima de sua mãe. Só que não é só a duquesa que se aproxima da garota, mas também o duque, que a todo momento tenta controlar a atração que sente pela jovem moça.
A verdade sobre amores e duques foi meu primeiro contato com a autora Laura Lee e eu já deixo claro que virou uma das minhas queridinhas dos romances de época. A escrita dela é tão gostosa que eu terminei a obra em poucas horas e quero muito mais!

Iremos encontrar aqui uma mocinha muito a frente do seu tempo, sufragista, independente e audaciosa. O fato dela dirigir um jornal e defender o direito ao voto pelas mulheres só piora sua reputação perante a sociedade e diante do duque, que sempre achou que acabaria por se casar com uma mulher de classe e que o ajudasse com as coisas ducais, afinal, esse é o seu dever.

O duque por sua vez é rígido, autoritário e muito aristocrático e por isso é acostumado que todos lhe obedeçam. Mas sua mãe e depois Irene são a prova de que o poder do duque não é tão importante assim. Apesar disso, ele é um homem totalmente preocupado com a família e por isso receia o que o casamento da mãe poderá fazer à reputação da família e aos futuros casamentos de suas irmãs. 
O primeiro encontro entre ele é um embate daqueles, que deixam o leitor de cabelos em pé e roendo as unhas de agonia. Obviamente ambos tem a visão errada da classe social que cada um vive. Henry acha que mulheres não deveriam trabalhar e recrimina o pai de Irene por não ter a capacidade de sustentar as filhas. Já ela detesta toda a nobreza desde que o seu avô materno deserdou a mãe após ela ter se casado com um homem de classe inferior. Juntos irão descobrir que nas questões do coração, o que vale é o que cada um sente e não o que realmente querem.

Alguns personagens aparecem muito na história como a duquesa, a mãe de Henry, que por sinal só fui entender depois de muito tempo. Eu não conseguia enxergar qual era o motivo dela casar com o tal pintor sabendo que ele só queria seu dinheiro e por isso fiquei ao lado de Henry em boa parte dessa questão. A irmã de Irene, Clara, que é um amorzinho daqueles e as irmãs de Henry, Sarah e Angela, que não são tão importantes assim. 
Irene traz questões muito importantes com seus questionamentos como o direito ao voto, o fato da mulher se sustentar sozinha sem precisar de um marido, o porquê que jovens solteiras não podem ter casos amorosos, o que ironicamente as casadas podem, apesar de ser imoral. São tantas coisas que vemos e que hoje temos tão acessíveis a nós, que não nos perguntamos como conseguimos esse direito, e assim descobrimos que fora através de mulheres como Irene, que acreditam no potencial da mulher, que lutaram para conseguir essas oportunidades para que nos dias de hoje possamos gozarmos disso plenamente, apesar de que ainda há muito o que lutar.

A verdade sobre amores e duques é um livro maravilhoso que encanta o leitor desde a primeira página e consegue trazer assuntos importantes em seu enredo não somente o romance. Eu super indico a todos vocês!

POSTADO POR MIRIÃ MIKAELY



Comentários

  1. Olá, Miriã.
    Eu amei esse livro e quero muito que a editora traga os outros livros da série para o Brasil. Sempre que leio esses livros de época fico pensando em como somos privilegiadas se comparadas a essas mulheres que não passavam de moedas de troca. É como você disse, hoje temos tantas coisas que para nós parece comum que conseguimos graças a essas mulheres que lutaram por elas. E se Deus quiser daqui a alguns anos a nossa luta hoje vai se refletir em mulheres que ainda irão nascer.

    Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sil
      Esse livro é lindo, um dos preferidos de época e eu amei a escrita da autora. As questões pertinentes que ela traz são muito interessantes, eu adorei tudo!

      Excluir
  2. Oi, Mi!
    Ainda não li esse livro, mas das resenhas que vi todo mundo elogiou. Ele está na listinha porque eu sempre leio um romance de época para curar ressaca.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lu
      Esse livro é incrível, nossa, um dos melhores romances de época que vi porque não é só romance, é bem legal.

      Excluir
  3. Oi Mi,
    Recentemente voltei aos romances de época e estou em busca de dicas assim para me animar a continuar!
    Minha mãe já leu algo da Laura e gostou, vou comprar este em breve!
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ale
      Esse livro é maravilhoso, quero ler outros livros da autora, devem ser ótimos!

      Excluir

Postar um comentário

Não esqueça de deixar seu comentário, assim poderei saber se gostou ou não do post.
Aproveite e deixe seu link, para que eu possa retribuir sua visita! ❤

back to top