Capítulo Treze

Aqui você encontra resenhas críticas, indicações de livros e um pouco sobre mim.

Prazer em conhecer você!

Oi, tudo bem? Eu sou a Mika! Tenho 22 anos e sou formada em administração. Amo livros de romance, e sonho em viver o meu próprio. Aqui sempre compartilho minhas experiências com eles!
Mika

Leia estes posts também

Two weeks notice - Whitney G. | Resenha

A quem possa interessar:Eu estou escrevendo esta carta para anunciar formalmente minha eficaz de demissão de Parker internacional (& o CEO arrogante e condescendente) daqui a duas semanas.Esta foi uma decisão muito fácil de tomar , como nos últimos dois anos foram totalmente infelizes. Eu desejo a sua próxima assistente executivo toda a sorte do mundo (ela vai precisar disso) e se meu chefe deve precisar de mim nas próximas duas semanas, gentilmente diga que ele pode fazer isto [ele] mesmo ...Sinceramente ( não realmente)Tara Lauren**Essa é a minha versão do aviso prévio de duas semanas que eu devia ter mandado para meu chefe, porque a versão mais profissional..--aquela onde eu disse que estava "grato por todas as oportunidades," e "honrado por todas as experiências gratificantes" ao longo dos anos?Essa carta foi rejeitada com seu sexy, sorriso de marca e um "Eu sugiro que você leia as letras miúdas do seu contrato..."Então eu fiz.E agora eu percebi que, a não ser finja a minha morte, envenená-lo ou encontrar uma maneira de renegociar o meu impossível contrato , eu estou presa trabalhando sob um dos chefes mais cruel e charmoso em Nova York.Então, novamente, eu pensei que era o caso até que ele me ligou ontem à noite com uma proposta de emergência...
Tara e Preston se conheceram de uma maneira bem inusitada. Ela é uma recém formada em Finanças que não tem um emprego em vista, e ele um CEO workaholic que precisa urgentemente de um novo assistente executivo. E apesar das circunstâncias, Tara se torna o braço direito do magnata dos hotéis Parker.

Só que ninguém a preparou para as constantes cobranças, as reuniões e viagens intermináveis e o quão era intenso e insuportável o sr. Parker. Desde que começou a trabalhar com ele, Tara nem sabe mais o que é sair com alguém ou o que é ter uma vida social. É por isso que ela está ansiosíssima para se demitir, mas não será tão fácil assim se livrar das garras de Preston, ainda mais quando ele colocou uma cláusula traiçoeira no contrato de trabalho de Tara.

Mas talvez o destino tenha sorrido para a garota porque após uma notícia que promete abalar a vida de Preston, talvez ela tenha a única chance de se ver livre dele para sempre.
Two weeks notice é um clichê entre CEO e funcionária que conseguiu me cativar completamente. Apesar da experiência mais ou menos com On a tuesday, aqui a narrativa da autora me prendeu em cheio. Parece muito com os romances nacionais que vemos no kindle, mas de alguma forma esse conseguiu ser melhor que a maioria.

Tara é uma personagem super divertida e bem humorada, além de ser auto astral e sempre colocar Preston em seu lugar. A convivência entre eles apesar de turbulenta é cheia de uma cumplicidade, que nasceu entre dois anos de trabalho. Ambos praticamente são "melhores amigos" porque se conhecem muito bem, retrucam um ao outro e mantém diálogos cheios de sarcasmo e ironia. Preston é tão arrogante que chega a ser charmoso e engraçado, mas aos poucos Tara vai o colocando em seu lugar e ele passa a ser um tantinho mais humilde, ainda que não perdendo sua essência de CEO bilionário.
O tanto que esse homem trabalha, senhor! Não é a toa que Tara está cansada e louca pra sair dali. Apesar de ganhar uma fortuna como assistente executiva, ela praticamente respira Preston dia e noite. Eles são inseparáveis e ela quase não tem uma folga. E ver como ela vai tentar sair do contrato é muito divertido. Ela tem ideias diabólicas que fazem com que a convivência entre ela e o chefe se torne mais intensa ainda. E aja tensão! Desde o primeiro momento que se conheceram ambos perceberam que não poderiam ultrapassar a linha tênue da sedução que eles tanto querem, mas ficarem tão próximos fez com que a coisa ficasse quase palpável. E quando ambos se entregam a paixão, é uma explosão de hormônios que só Deus sabe.

Eu achei essa obra bem divertida! Gosto da escrita da Whitney e gostaria que as editora vissem o potencial pra comédia romântica que ela tem. Super recomendo!

Two weeks notices | 240 páginas | Editora WGW Books, LLC | Nota: 4/5 

Comentários

  1. Oi Mi, Deus sabe que eu estou precisando de algo divertido pra ler e você sabe que amo um romance!! Acho que vou curtir!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  2. Oi, Mi

    Não conhecia a autora e sigo saturada de livros do gênero. Esse aí até que chama a atenção pela pegada mais divertida, quem sabe no futuro?

    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  3. confesso que nao sou mt fã desse tipo de livro, mas parece uma leitura gostosa

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  4. Oi Mi,
    Estou meio cansada de CEO e funcionárias, PORÉM, nessa onda de quarentena e coronavírus quero coisas que me tirem dessa realidade, se não, eu surto ainda mais. Ou seja, esse livro já foi automaticamente para o topo da lista de desejados kkkkkkkkkk. Tomara que eu goste!
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Olá, Miriã.
    Que bom que gostou da história, mas eu já perdi a vontade quando li CEO. Eu não suporto mais esse tipo de livro hehe. Por isso vou deixar passar a dica de hoje.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  6. Oi
    parece uma leitura divertida de se realizar, pena que é em Inglês porque fiquei interessada mesmo trazendo o clichê de CEO super leria e que bom que gostou da história.

    http://momentocrivelli.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Não esqueça de deixar seu comentário, assim poderei saber se gostou ou não do post.
Aproveite e deixe seu link, para que eu possa retribuir sua visita! ❤

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *