Química Perfeita - J. Marquesi | Resenha

Raffaello Ferrero conquistou fama e prestígio no mundo dos vinhos, tornando-se um dos enólogos mais disputados pelas vinícolas europeias. Obcecado por achar a química perfeita capaz de produzir um vinho perfeito, Raffaello é informado da morte de seu único parente vivo e precisará retornar ao Brasil, após 20 anos longe, para decidir o que fará com a herança que nunca quis e que estava reservada ao seu amado irmão mais velho, falecido há alguns anos.Disposto a vender a vinícola e retornar à Europa, Raffa será surpreendido pela notícia de que tem um sobrinho, um garoto de pouco mais de dois anos, fruto de um relacionamento do irmão com uma ruiva de quem nunca ouviu falar, e que só apareceu após sua morte, com o pequeno herdeiro a tiracolo.Poderá ele confiar naquela mulher? Como impedir seu coração de se apaixonar pelo guri tão esperto?E a mais complexa questão: como impedir-se de sentir a química perfeita que parece pulsar entre ele e a mãe do garoto?
Raffaello Ferrero é um famoso enólogo em ascensão na Europa. Porém, sua vida dá uma guinada enorme quando ele recebe a notícia de que seu avô paterno, Don Genaro, faleceu recentemente e que ele precisa voltar ao Brasil, após 20 anos longe, para resolver os trâmites da herança. Disposto a resolver o mais rápido possível as questões legais e vender a propriedade, ele chega ao Rio Grande do Sul com muita saudade e boas lembranças, mas também algumas questões mal resolvidas.

Sendo o único herdeiro, Raffaello imagina que não terá muitos problemas com o inventário. Só que ele não imaginava que seu avô, com quem nunca teve uma boa relação, também deixaria a propriedade para outra pessoa, Tomás, o filho de Peppe, falecido irmão de Raffaello. 

Após descobrir que seu irmão teve um filho e se envolveu com uma moça chamada Sol, Raffaello acredita piamente que a jovem está mentindo. Só assim para explicar seu irmão nunca a ter comentado antes, ainda mais para ele que era tão apegado a Peppe. Assim que a conhece, a ideia de que ela está realmente dando um golpe aumenta, ainda mais quando Sol é totalmente diferente das outras mulheres que seu irmão namorou um dia. 
Ignorar o passado é uma das piores coisas que alguém pode fazer, pois ele contém aprendizados e respostas que são importantes na construção do presente. 
Apesar das ressalvas, eles precisam conviver no casarão até que os exames de DNA sejam feitos, mas essa convivência será uma verdadeira bagunça, porque mesmo que Raffa não goste de Sol, ele está visivelmente atraído por ela. Mas se envolver com a ex-mulher de seu irmão não seria uma grande traição ao falecido? O que fazer quando seu desejo está nublando os pensamentos coerentes de sua consciência?

Química Perfeita é o novo lançamento da J. Marquesi e tem uma premissa muito interessante, cercada de várias cenas sensuais e segredos que aos poucos serão revelados. Desde o princípio conhecemos Raffaello, e sua personalidade atraente e carismática. Um homem trabalhador, que se esforçou muito para criar uma carreira, mas também sozinho. Tantas perdas recentes mostram o quanto o personagem é humano ao nos mostrar a intensidade de seus sentimentos.
O fato de seu avô nunca ter escondido que preferia Peppe à ele também foi uma ferida muito difícil de cicatrizar ao longo dos anos. Mas agora ele precisa encarar os fantasmas do seu passado e enfim construir uma nova vida. O que não acontece quando ele descobre que existe uma cunhada e um sobrinho em sua vida. Antes sozinho, e agora com duas pessoas na família que ele nunca conheceu. Sol é uma estranha e algumas coisas que ela falam soam suspeitas. Mas será que ele conseguirá descobrir quem ela realmente é antes que se apaixone perdidamente?

No início senti raiva de Sol porque evidentemente ela estava escondendo algo de Raffaello e obviamente apareceu só pra empacar a vida dele. Mas com o passar das cenas fui entendendo mais ainda a personagem e gostando dela. Sol é um raio de luz, uma moça de bem com a vida, amante da natureza e divertida. Ela encanta fácil e com Tomás consegue ficar mais irresistível ainda. A interação deles com Raffa é o ponto chave desse livro e eu gostei bastante.

Infelizmente senti que alguns pontos foram mal trabalhados aqui. Eu achei o envolvimento deles rápido demais. Sei que eles foram levados pela atração, mas eu queria que fosse algo mais natural e não tão forçado sabe? Também acho que a autora exagerou nas cenas eróticas. Óbvio que ia acontecer porque é um livro erótico, mas tinham tantas cenas dramáticas e de repente, uma cena de sexo jogada ali, meio do nada. Outra coisa que me incomodou foi ela ter estendido demais o momento das revelações, podiam ter sido feitas aos poucos, nos dando algumas dicas, nos instigando. E mais um ponto que me incomodou, que nem tem a ver com o enredo, mas com a narrativa foi o fato dela ficar indo e voltando nos pensamentos dos personagens. Tipo, ela narra a Sol em um determinando momento mas faz a personagem ficar dando voltas e voltas lembrando de outros momentos anteriores. Era mais fácil se ela tivesse escrevido sobre eles numa linha reta, ao invés de ter esses pequenos flashbacks na narrativa, o que deixou a leitura arrastada e um pouco cansativa pra mim.

Mas nem só de coisa ruim existe esse livro! Dá pra perceber que a autora teve um grande trabalho de pesquisa para inserir na obra. Raffa é enólogo e Sol agrônoma, então existem vários diálogos interessantes a respeito do cultivo de vinhos, o que é complicado e até difícil de entender, mas a autora conseguiu transpassar conhecimento de uma forma assertiva sem parecer que estamos numa aula. Além disso ela me surpreendeu bastante com o final. É fato que eu já imaginava o que poderia acontecer, mesmo assim me surpreendi por ela ter criado todo o suspense em volta de Sol e entregar algo a altura do que ela propôs.

Por isso fiquei no meio a meio. Eu gostei da premissa, de algumas partes, mas o erótico e algumas cenas deixaram o livro um pouco chato. Não quer dizer que o livro seja ruim! Até porque eu adoro a escrita da Marquesi, ela tem livros ótimos, mas esse livro realmente não me cativou de todo. Mesmo assim super indico vocês conhecerem as obras dela!

Química Perfeita | 350 páginas | Publicação Independente | Nota: 3/5

7 comentários

  1. Oi Mi,
    Eu ainda não li nada da Marquesi. Há algum tempo atrás eu tive a oportunidade de ir num evento dela, só que como minha mãe leu o tal livro e o achou fraco, aí sabe quando desanima?
    Talvez você possa me indicar uma história melhor dela, mas essa eu não tenho vontade de ler não. rs
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Al
      Tem uma série dela maravilhosa chamada Irmãos Villazza, tem três livros e todos são ótimos! Eu adorei.

      Excluir
  2. Ual me parece bem legal e é o estilo de livro que minha mãe adora ler, já vou encaminhar esse post pra ela.
    Beijinhos ;*

    Blog Menina Caprichosa | Canal Youtube | Facebook | Insta

    ResponderExcluir
  3. Oi Miriã,
    menina não sou a maior fã de romances eróticos mas fiquei curiosa? hahahaha
    Sou gaúcha então isso me atiçou, e eu adoro uma boa trama com crianças e essa coisa de "a mulher do meu irmão", só fiquei com o pé atrás com os detalhes que tu apontou porque SEI que seriam coisas que me irritariam durante a leitura...

    bjos ;)
    Eduarda Henker
    Queria Estar Lendo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Eduarda
      Eu gosto das obras da Marquesi porque ela fala muito do Sul, e eu adorei conhecer lá quando fui, então gosto das obras kkkk tem todo o aspecto cultural, pena que não gostei do resto.

      Excluir
  4. Duas coisas que senti enquanto lia a premissa do livro foi que não gostaria de Sol e que o romance entre eles seria meio forçado e, coincidentemente, você realmente sentiu isso ao longe da leitura. É um livro que, conhecendo a premissa e a opinião de alguém que já leu, eu provavelmente não leria, pois tenho quase certeza de que não iria gostar.

    Beijos, blog Mais um Capítulo . ♥

    ResponderExcluir
  5. Adoro a escrita da Ju Marquesi, mas não achei Quimica Perfeita empolgante como os outros. Achei a história cansativa, demorando para deaenrolar. Tanto que parei a leitura para retomar depois de dias para ver se o interesse voltava.

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar seu comentário, assim poderei saber se gostou ou não do post.
Aproveite e deixe seu link, para que eu possa retribuir sua visita! ❤
Comentários PLAGIADOS NÃO SERÃO ACEITOS!

Capítulo Treze. Design by Berenica Designs.