Um bebê para o Natal - Aretha V. Guedes | Resenha


Lista de compras para o natal: arroz, peru, uvas passas, panetone e… o bebê do vizinho?Larissa está se preparando para as festas de fim de ano, o que ela não espera é que em um mal-entendido uma bebezinha seja entregue aos seus cuidados. Ora, sendo mãe solteira, ela já tem muito com o que se preocupar! Como cuidar da filha de outro, quando já tem a dela e uma ceia natalina para preparar? Mesmo que o outro seja o homem delicioso que mora no andar de baixo, Larissa não deve ajudar.O difícil é negar algo a Miguel Lobo…
O primeiro livro lido do ano tem gostinho de Natal... vi essa indicação no @segredosamigas e resolvi encarar a leitura, ainda mais porque é um romance com o tipo de enredo que eu simplesmente amo.

Chegou o mês de dezembro e Larissa já está se preparando para passar a data ao lado da filha Maria Eduarda. É o primeiro natal das duas longe do ex-marido imprestável de Larissa, e por isso é muito especial. Só que se ela achava que dezembro não iria reservar grandes surpresas, ela estava enganada. Começando por Milena, um bebê de uns sete meses que fora deixada com ela por uma mãe louca e sem noção nenhuma. E pelo que Larissa entendeu da história, Miguel é o pai dela. Miguel, o seu locatário gostoso e mulherengo... pai de uma garotinha... 

Miguel acabou engravidando uma de suas conquistas e agora tem uma bebê para cuidar enquanto a mãe parte em um cruzeiro. Se não fosse deixá-lo mais puto ainda, ele não tem tempo disponível para cuidar de sua filha já que está trabalhando muito no final do ano. A solução chega em forma de Larissa, sua vizinha, que se oferece para cuidar de Milena enquanto ele está fora.

O que foi um acordo simples acabou tornando mais próximo os dois vizinhos que pouco sabiam um do outro. É claro que Larissa tinha uma pequena queda pelo homem sedutor que morava no sobrado debaixo de sua casa, mas nunca imaginou que ele fosse se interessar por ela. Suas inseguranças serão um grande problema na relação do jovem casal, e o mês tá longe de terminar...
Um bebê para o Natal tem uma escrita gostosa e bem leve. Narrada em primeira pessoa vamos conhecer a Larissa, que foi uma personagem simples e muito real, bem divertida (ainda mais quando ela era que narrava) mas também muita insegura. Marcada pelo relacionamento abusivo com André, sua confiança e amor próprio foram minados com palavras de agressão. Por isso ela tem tanto medo de se envolver com outro homem, ainda mais quando se sente tão desajustada comparado as outras mulheres que passaram na vida de Miguel.

Miguel é um homem sedutor, mas principalmente gentil e preocupado com a família e com as pessoas que ama. Assim que entra na vida de Larissa, sua missão é fazê-la perceber o quão linda e perfeita ela é, aumentando sua confiança em si própria. É claro que Larissa demora muito para entender isso e ás vezes mete os pés pelas mãos, mas entendemos seu lado e vemos-a madurecer aos pouquinhos.

A relação da Milena e da Maria Eduarda é bem explorada e é muito fofa. As crianças fazem parte da história, não são somente um adereço jogado ali para compôr a sinopse. Eu gostei muito de como a história foi desenvolvida, só achei o envolvimento dos personagens rápido demais, mas quando li as narrativas do Miguel vi que a autora colocou um argumento pra isso, então tá valendo. Gostei mais ainda como a autora abordou as inseguranças da Larissa, um ponto muito delicado para qualquer pessoa. Mas ver seu amadurecimento foi muito legal e motivo de orgulho, mesmo com algumas falhas e decisões erradas pelo caminho.

O livro apesar de ter muitas páginas é curto, acredite ou não. Li rapidamente e super indico para quem gosta de um romance fofo e sensual para ler.

Um bebê para o Natal | 314 páginas | Editora Amazon | Nota: 4/5

6 comentários

  1. esse é um tipo de leitura mais leve e gostosa que a gente acaba mesmo fazendo bem rapido né, adorei conhecer

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  2. Achei um tanto inusitada essa mistura de Natal + criança abandonada + clima de paquera. Do jeito que você contou, parece que deu muito certo. Achei interessante os nomes Larissa e Miguel, pois tenh o uma cunhada com esse nome e Miguel é o filho de 6 anos dela.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  3. Gente, esse livro é o próprio filme natalino impresso hahahahhahahaha Assim como você anotou a dica, estou anotando também
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  4. Olá, Miriã.
    Eu achei o enredo bem fofo e anotei aqui para ler. Mas não se se gosto disso do cara precisar mostrar para a mulher que ela é bonita. Acho meio irritante isso dessas protagonistas serem bonitas e se acharem sem graça. Mas não sei se é bem isso no livro hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sil
      Não é bem assim. A protagonista ouviu durante muitos anos que era feia, gorda do ex-marido, e por isso ela tem várias inseguranças em relação ao corpo dela.

      Excluir
  5. Oi, Mi! Tudo bom?
    Eu sinto que meu santo não bateria com o do mocinho da história, não sei porque :v mas uma história de natal é sempre bem-vinda pra wishlist de fim de ano, então tô guardando aqui!

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar seu comentário, assim poderei saber se gostou ou não do post.
Aproveite e deixe seu link, para que eu possa retribuir sua visita! ❤
Comentários PLAGIADOS NÃO SERÃO ACEITOS!

Capítulo Treze. Design by Berenica Designs.